Idioma:

  • Horiens promove curso de seguros e gestão de riscos corporativos

    DATA: 06/12/2023

    Publicado por: Horiens

    Evento online, voltado a executivos de finanças associados do IBEF-SP, abordou a importância da transferência de riscos para melhorar a performance dos negócios

    Nos dias 21 e 28 de novembro, a Horiens realizou o curso online “Seguros e Gestão de Riscos Corporativos”, voltado para executivos de finanças associados do IBEF-SP (Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças de São Paulo).

     

     

    Ministrados por Marcio Santos, líder do laboratório de análise de riscos da Horiens, o Risk Labs, os dois encontros tiveram como proposta mostrar aos participantes como melhorar o processo de análise de riscos e transferência deles via seguros. “Muitas vezes os programas de seguros empresariais não refletem o perfil de risco da empresa, mas eles são ferramentas essenciais na estratégia do negócio. É preciso fazer uma criteriosa análise de riscos e dimensionar os seguros na medida correta, viabilizando a reposição de possíveis perdas empresariais a um custo competitivo”, explicou Santos.

    Eduardo Damião, diretor de Riscos e Seguros da Horiens, fez uma abertura na qual falou da diversidade dos riscos e da importância da sua identificação para possível transferência. “Existem riscos das mais diversas naturezas – comerciais, ambientais, operacionais, naturais, legais, de liquidez, entre muitos outros. Nós aprendemos e visualizamos riscos de forma dinâmica. Tudo muda, os negócios e a sociedade mudam, então os riscos também mudam”, alertou.

    Damião falou da importância das informações na contratação do seguro. “Os relatórios de inspeção de um determinado risco são o primeiro ponto de atenção. Podem ser feitos pelos seguradores, resseguradores ou pelo próprio cliente. É importante validar as atividades reportadas, checar os cenários de perdas identificados, estabelecer um diálogo sobre as recomendações apresentadas e sempre levar em conta as lições aprendidas e ações de mitigação em histórico de perdas”, completou.

    Em seguida, Márcio mencionou o ciclo da gestão de riscos e a importância de uma abordagem quantitativa. “Todos os instrumentos de transferência e compartilhamento de riscos, desde os tradicionais até instrumentos alternativos como mútuas, cativas, swap de riscos, derivativos etc, só são possíveis de serem estabelecidos de forma otimizada se quantificarmos os riscos.”

    Márcio explicou que a Horiens é uma consultoria que atua no setor de riscos e seguros há 45 anos e, mais recentemente, tem desenvolvido o uso de metodologias quantitativas para suportar as decisões de transferência e retenção de riscos, seja baseado em dados – análise de frequência – ou em modelagem probabilística de modelos de engenharia. “Este é um caminho seguro para aumentar a disponibilidade e melhorar a performance das companhias de vocês por meio da transferência de riscos.”

    Entre os tópicos abordados no curso estão: os seguros no contexto da gestão de riscos corporativos e de projetos, conceitos de apetite/tolerância e sua relação com o tratamento dos riscos, quantificação dos riscos para otimização da transferência e Análise Quantitativa dos Riscos (AQR) x incertezas aleatórias e incertezas de conhecimento.

    Neste ano, a Horiens tornou-se parceira do IBEF-SP, uma das mais tradicionais organizações voltadas a executivos do setor financeiro. Fundado em 1973, o IBEF-SP conta com mais de mil associados e mais de 300 CFOs, e vem atuando continuamente para fomentar conhecimento e criar conexões entre os profissionais do mercado.

    A gravação das aulas está disponível na plataforma do IBEF-SP para associados (https://ibefsp.com.br/cursos-ibef-sp/). Caso queira se aprofundar no assunto, a equipe Horiens está à disposição para conversar mais sobre este tema.

    Nenhum Comentário

    Quer saber mais sobre
    algum assunto?

    Clique aqui e deixe sua sugestão
    para o próximo post!

    Notícias Relacionadas

    +
    0

    Conheça os desafios e a solução inédita implementada para entregar parte da infraestrutura do Terminal Oceânico da Barra do...

    03 de Maio de 2024
    +
    0

    Para participar, basta publicar uma foto sua praticando alguma atividade física ou de bem-estar usando o filtro #Saúde.Vocênocentro. Automaticamente,...

    30 de Abril de 2024
    +
    0

    Na madrugada de 26 de março deste ano, o navio porta-contêineres DALI, de 32 mil toneladas, atingiu um dos...

    30 de Abril de 2024
    +
    0

    Prepare-se para expandir seus horizontes. Com o avanço da inteligência artificial (IA), em especial a IA generativa, não há...

    30 de Abril de 2024