Idioma:

  • Fundação Norberto Odebrecht é destaque no I Fórum ESG Salvador

    DATA: 13/05/2022

    Publicado por: Fundação Norberto Odebrecht

    Instituição apresentou seu Programa Social no evento, que reuniu especialistas e grandes empresas

     

    Participantes conheceram mais sobre o Programa Social da Fundação no stand

    A Fundação Norberto Odebrecht teve um espaço de destaque no I Fórum ESG Salvador, idealizado pelo Jornal CORREIO e pelo portal Alô Alô Bahia e realizado nos dias 11 e 12 de maio na capital baiana. O evento teve o objetivo de discutir as melhores práticas ambientais, sociais e de governança adotadas por empresas, organizações e entidades que atuam na região e pertencem aos mais diversos segmentos. Como um dos apoiadores do evento, a Fundação esteve presente com um stand com exposição de fotos de beneficiários de seu Programa Social, o PDCIS, e alimentos produzidos pelas comunidades atendidas. Além disso, os integrantes da organização frequentaram palestras, painéis e criaram conexões com outros participantes.

    O objetivo foi inserir os presentes em um espaço de transformação social gerado pelo Programa, que fortalece a agricultura familiar e incentiva a sustentabilidade. “Pudemos mostrar ao público como o nosso Programa Social tem o potencial de contribuir para os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e já faz a diferença na vida de milhares de pessoas”, explica Cristiane Nascimento, responsável por Sustentabilidade, Parcerias e Comunicação na Fundação. “A audiência se interessou enormemente por conhecer mais detalhes do PDCIS e como ele opera a partir de um compromisso ESG”, diz ela.

    Para o superintendente Fábio Wanderley, o apoio da Fundação ao Fórum foi natural diante da relação entre o PDCIS e o tema ESG – relação que pode, inclusive, contribuir com empresas e investidores que querem fortalecer suas atuações neste quesito. “Seja por meio da promoção do equilíbrio entre a produção de alimentos e a conservação ambiental ou pela formação e inclusão socioprodutiva de jovens, aspectos que se conectam aos compromissos ambiental e social, toda nossa atuação é baseada em uma governança comprometida, transparente, ética e eficiente”, conta ele.

    Não sabe o que é ESG? Confira a matéria explicativa clicando aqui!

    Também presente no stand da Fundação esteve uma das instituições parceiras na execução do PDCIS: a Organização de Conservação da Terra (OCT). Bruna Sobral, coordenadora de Planejamento Socioambiental da OCT, conta que a presença foi importante para expor a mais públicos o trabalho realizado pela organização no Baixo Sul da Bahia. “É sempre muito bom participar de encontros onde estão reunidas pessoas que buscam oportunidades para implementar ações de impacto social e ambiental”, comenta Bruna. “Esta foi uma forma de aproximar a OCT a tomadores de decisão nas empresas e ao público em geral”, diz.

    Foco em ESG 

    A Fundação participou do Fórum desde sua abertura, no dia 11 de maio, em uma cerimônia reservada a convidados aberta por um show e palestra da cantora Margareth Menezes, que discorreu sobre o projeto Fábrica Cultural, fundado por ela. Depois, a noite contou ainda com falas de Caio Ramos, diretor de sustentabilidade

    Integrantes frequentaram palestras com grandes nomes no evento

    para a América do Sul da AMBEV, de Leo Dutra, sócio-diretor da Ernst & Young para a área de Sustentabilidade, e do prefeito de Salvador, Bruno Reis – que ressaltou o compromisso do poder público em criar um ambiente favorável para o desenvolvimento de empresas e organizações com atuação ESG na capital.

    Outras palestras continuaram o aprofundamento das discussões no dia seguinte, aberto ao público, quando integrantes da Fundação também puderam assistir a mais palestrantes e se conectar com outros profissionais. “Foi muito interessante ver como diferentes empresas, de diferentes seguimentos, estão difundindo o ESG não só em sua cultura, mas em seus próprios planejamentos estratégicos”, comenta Eduardo Fraguas, Analista Administrativo na Fundação. “É isso que a sociedade exige hoje das organizações: que tenham ações voltadas para o social, para o ambiental e para a governança, sempre com o máximo de transparência possível”, completa ele.

    O I Fórum ESG Salvador foi um evento gratuito e aberto ao público e reuniu grandes empresas e entidades como Acelen, Unipar, Yamana Gold, Bracell, BAMIN, Socializa, Suzano, Sebrae e Contermas, além de nomes como Mariana Lisbôa, Líder Global de Relações Corporativas da Suzano S/A; Rosane Santos, diretora de ESG, Meio Ambiente, Relação com Comunidades e Comunicação Corporativa da BAMIN; Sérgio Santos, Gerente de Relações com Investidores e Relações Institucionais da Unipar e Ricardo Mastroti, diretor executivo da Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS).

    Nenhum Comentário

    Quer saber mais sobre
    algum assunto?

    Clique aqui e deixe sua sugestão
    para o próximo post!

    Notícias Relacionadas

    +
    0

    Na última semana, a OR participou como patrocinadora do III ESG Fórum de Salvador, realizado pelo jornal Correio. O...

    04 de Junho de 2024
    +
    0

    Pelo segundo ano consecutivo, a Fundação Norberto Odebrecht é reconhecida como Great Place to Work, conquista que legitima a...

    22 de Maio de 2024
    +
    0

    Com a aspiração de perpetuar práticas, princípios e processos integrados à sua atuação, a Fundação Norberto Odebrecht lançou nesta...

    14 de Maio de 2024
    +
    0

    Mais uma vez a Fundação Norberto Odebrecht dá um passo à frente em sua jornada para a construção de...

    03 de Maio de 2024